Pesquisar

Livros eróticos: 5 opções de leitura para uma leitura prazerosa!

Dos clássicos aos títulos mais novos, os livros eróticos são sempre uma boa pedida. Isso vale não só para quem quer manter uma rotina de leitura em dia, sabia? Dá para curtir enredos que ajudem a esquentar o clima!

A literatura picante fala sobre o tema de uma maneira bem atraente, abordando cenas de sexo. Portanto, uma excelente maneira de mexer com o nosso imaginário.

E, a boa notícia, é que existem muitas opções com esse tipo de narrativa. Se por um lado isso é bom, por conta da demanda, por outro, pode gerar confusão. Por isso, fizemos a lição de casa por aqui para indicar alguns livros eróticos e bem picantes. Confira!

Além dos livros, você pode curtir outros tipos de conteúdo com a mesma pegada. Confira as séries eróticas para maratonar!

Melhores livros eróticos para ler
Confira os 5 melhores livros eróticos (Foto: Reprodução)

Livros eróticos: Cinquenta Tons de Cinza é um dos mais indicados!

50 Tons de Cinza é destaque entre os livros eróticos
A trilogia de 50 Tons de Cinza é destaque entre os livros eróticos (Foto: Reprodução / Internet)

Não dá para falar de livros eróticos sem citar a trilogia para lá de picante do autor E. L. James! Cinquenta Tons de Cinza foi e ainda é um enorme sucesso, além de marcar uma geração.

O enredo fala não somente de sexo, como também destaca o prazer feminino, a submissão e até mesmo práticas BDSM. Tudo isso levando em conta uma história rica em detalhes luxuosos e uma relação bem complexa entre os protagonistas.

Falando nisso: entenda melhor o que é BDSM e o que essa sigla significa!

Toda Sua é outro best-seller da literatura erótica

Toda Sua é indicado como um dos melhores livros eróticos
Toda Sua é indicado como um dos melhores livros eróticos (Foto: Reprodução / Internet)

Na capa já nos deparamos com a citação: “ele me possuiu e eu fiquei obcecada…”. Só por aí já fica claro que a autora Sylvia Day aborda o erotismo, a dominação e a paixão desenfreada. A protagonista aqui é mais experiente em comparação à trilogia que citamos anteriormente.

A narrativa é muito bem estruturada e tem uma levada até mesmo gostosa. Por isso, é fácil se prender ao enredo dessa literatura erótica.

A Casa dos Budas Ditosos é destaque na leitura erótica nacional

A Casa dos Budas Ditosos é uma ótima literatura erótica
A Casa dos Budas Ditosos é uma ótima literatura erótica (Foto: Reprodução / Internet)

Não seria justo falar de livros eróticos e ignorar que temos ótimos autores em solo brasileiro! Por isso, a dica da vez é o título A Casa dos Budas Ditosos, de João Ubaldo Ribeiro. A obra foi lançada em 1999, mas ainda se mantém bem atual. Isso tanto é verdade que ganhou uma adaptação nos palcos em 2004.

O enredo aborda a luxuria e tem narração de uma mulher baiana no auge dos seus 68 anos. Ela conta sua história e também experiências que marcaram sua trajetória. E, tudo isso, sem qualquer arrependimento, viu? São tratados ainda tabus, algo que sempre é interessante para esse estilo de literatura erótica.

Isabel Allende se fez presente no estilo literário com Afrodite

Afrodite de Isabel Allende tem destaque na literatura erótica
Afrodite de Isabel Allende tem destaque na literatura erótica (Foto: Reprodução / Internet)

Em primeiro lugar, é bom deixar claro que a redatora que redige esse artigo é uma admiradora de Isabel Allende. Entre todas as suas obras, Afrodite mergulha no erotismo de uma maneira extremamente inteligente. Isso ocorre pela união de dois campos inicialmente distantes: gastronomia e erotismo.

A ideia é trazer uma espécie de resgate para ativar as nossas memórias sensuais. Para isso, a autora explora apetite, amor e desejo.

A Vida Sexual de Catherine M. não pode ficar de fora da sua estante

 A Vida Sexual de Catherine Mentre está entre os melhores livros eróticos
A Vida Sexual de Catherine Mentre está entre os melhores livros eróticos (Foto: Reprodução / Internet)

Se você quer se aventurar entre os melhores livros eróticos, A Vida Sexual de Catherine M. é leitura obrigatória. O nome do livro faz menção à autoria, Catherine Millet. Portanto, aborda suas memórias decorrentes de sua carreira de “serial lover”.

Segundo ela, essa carreira começou assim que ela perdeu a virgindade com 18 anos. Além disso, ela destaca o sexo de maneira isenta ao vínculo sentimental, com foco justamente no prazer. Um mergulho e tanto no erotismo, né?

Agora ficou mais fácil selecionar os livros eróticos. Embora a gente tenha destacado apenas cinco títulos entre tantos, esses prometem uma leitura arrebatadora.

Posts relacionados